Home Entrevistas Entrevista com DeltaFoxx

Entrevista com DeltaFoxx

Deltafoxx, do Distrito Federal, nos concedeu uma entrevista que revela mais sobre o duo.

314
2
SHARE
DeltaFoxx | Foto: Matheus Pena
DeltaFoxx | Foto: Matheus Pena

Em comemoração ao nosso aniversário de 3 anos, convidamos o Quizzik, membro do duo DeltaFoxx, para um set no Clube Music nesta sexta (24). DeltaFoxx é de Brasília, e é formado por Quizzik e Popnings, dois amigos que tem boas influências musicais e um dos DJ sets mais sensacionais que eu já presenciei.

Mas queremos apresentar um pouco mais sobre esse duo e fizemos uma entrevista com eles para você também conhecer um pouco mais. Dê o play no último set de trabalho dos rapazes e desvende com a gente o DeltaFoxx.

– Quando o DeltaFoxx começou? Fale um pouco da história do duo…

Quizzik: Eu vim da música experimental. Fui um dos representantes do Brasil na Red Bull Music Academy de 2002. Por conta da cena e das circunstâncias, aos poucos fui enveredando pra um lado um pouco mais palatável. Então dei um ‘shift’ do esquema lounge cabeçudo pra pista tocando electro.

Popinigis: Eu toquei em bandas indie e de rock alternativo, algumas até com um destaque nacional, antes de virar DJ. No final dos anos 2000 tive uma festa chamada Indiecent Music, que misturava indie e eletrônica, pra qual chamei o Quizzik pra tocar algumas vezes.

Quizzik: Então em 2011, por conta de um amigo músico em comum, resolvemos nos juntar num trio pra produzir as músicas na vibe das que discotecavamos. Aí surgiu o DeltaFoxx. No ano seguinte, depois de lançarmos nosso EP, nosso amigo resolveu seguir sua carreira no cinema e a gente é um duo desde então.

Popinigis: Dentre alguns momentos maneiros que a gente viveu juntos, destacamos nossas gigs no SXSW no Texas ao lado de Miami Horror e The Knocks e o fato de termos sido citados pela seminal revista francesa Les Inrockuptibles.

– Quais são suas influências?

Quizzik: A gente se juntou por conta do nosso gosto comum por indie dance, fidget, french house, electro, maximal e etc. Curtíamos muito Daft Punk, LCD Soundsystem, Justice, The Twelves e cia. Porém ao longo desses anos fomos nos adaptando junto da música de forma que a linha estética que mais nos agrada hoje em dia é o Future Bass, que possui aqueles mesmos synths filtrados que nos uniram no início. E desse estilo se destacam o Flume, StéLouse e Wave Racer.

Popinigis: É isso aí. Começou com essa influência de sons do início da década e fomos nos adaptando a estéticas mais novas.

– Quais os 5 melhores álbuns de todos os tempos?

Quizzik: Acho que essa pergunta é difícil pra qualquer amante de música. É tanta história, são tantos estilos, são tantas fases de vida. Bem, pra mim, hoje, os 5 melhores álbuns de todos os tempos são:

1. Faith No More – Angel Dust
2. Boards of Canada – Music Had The Right To Children
3. Daft Punk – Discovery
4. Justice – Cross
5. Flume – Skin

Popinigis: Pergunta difícil, hem! Aí vai uma tentativa, meio de sopetão (sic):

1. Slowdive – Souvlaki
2. Cocteau Twins – Four-Calendar Café
3. Television – Marquee Moon
4. The Cure – Disintegration
5. My Bloody Valentine – Loveless

– Como é o som do DeltaFoxx? E como é o processo de preparação dos sets?

Quizzik: Cada festa e cada público demandam uma linha, então a gente opta por não se prender a um só estilo. Na Moranga, nossa festa semanal em Brasília, por exemplo, tocamos uma mistura de Future Bass com Pop e Trap. Em outras festas a gente já puxa mais pro Indie Dance e pro Nu Disco.

Popinigis: O nosso processo de preparação é individual. Então, um pouco antes de entrar nos decks pra tocar, a gente só decide junto qual vai ser a primeira música. Daí em diante, seguimos no ‘flow’ fazendo a construção da estória.

Quizzik: É sempre uma surpresa o que o outro vai tocar. Então acho que isso torna os nossos sets bem imprevisíveis, o que traz uma excitação bem doida e um consequente prazer incomensurável no final.

– E os planos para o futuro?

Quizzik: Depois de tantos singles, EPs e remixes agora estamos trabalhando num álbum.

Popinigis: Se tudo der certo, a gente lança ainda esse ano.

– Diga suas últimas palavras…

Quizzik: Como vou representar o DeltaFoxx sozinho, estou separando umas músicas que são senso comum entre nós dois pra fazer um set especial para o pessoal de Goiânia, dando um gostinho do que seria ter a dupla agitando o rolê. Então preparem seus quadris! =)

Popinigis: Eu estarei viajando, de férias do outro trabalho, mas estarei presente em espírito! 🙂

2 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here